Mousse de Maracujá

Sei que vivo um mundo particular meu, sei que não vivi muitas coisas ruins que outras pessoas já viveram… sei que a minha vida é boa e tenho um mundo para chamar de meu.

Mas sei que existem muita maldades, eu também sofro com a maldade dos outros que estão ao meu redor, mas se for considerar um nível, uma escala, sei que são pessoas pequenas que não podem ser consideradas algo maior. Sei também que aquelas pessoas que viveram um mau maior, um dia vão olhar para o agressor com aquele olhar “você não conseguiu me derrubar e sim, deixar mais forte para a vida”.

Ok, ando assistindo muito Discovery e seus programas de maldade, mas eu sempre fico analisando e querendo não entender o ser humano. Não quero mais pensar de descaso, desinteresse, incapacidade ou  realmente o desejo de prejudicar, o que eu quero acreditar é na minha vida e viver ela o máximo, mesmo com as pedras no meu caminho, que preciso retirar ou passar por cima. Eu acredito totalmente na vida, tendo o seu lado ruim ou bom, não quero focar nada além disso. Sei também que é uma luta solitária, que só eu posso lutar, viver, sofrer e acontecer.

Ah, eu gostaria que muitas pessoas parassem de perder suas energias focando nisso, na vida dos outros, como conseguiu ou tem. Sei que muitas pessoas vivem isso que vira até doença e podem cometer crimes e etc. Quero que as pessoas cuidem realmente do seu jardim e vivam felizes (sei que essa frase é muito desejo de Natal, de uma criança assustada com o mundo, mas é o que realmente desejo para os outros).

É que por enquanto a metarmofose de mim em mim mesma não faz sentido. É uma metamorfose em que eu perco tudo o que tinha, e o que sou. E agora o que sou? Sou: estar de pé diante de um susto. Sou: o que vi. Não entendo e tenho medo de entender, o material do mundo me assusta, com seus planetas e baratas.” – Clarice Lispector

Não, não estou triste, preocupada ou pensativa. Eu estou feliz, consegui virar a página de uma etapa da minha vida. Para comemorar, fiz esse mousse de maracujá para acalmar e começar um novo dia (e fiquei o resto do dia com sono):

Mousse de Maracujá

Mousse de Maracujá

1 lata de leite condensado
a mesma medida de polpa/suco de maracujá (eu usei dois maracujás grandes, coei para tirar o caldo da fruta e reservei as sementes)
1 lata de creme de leite
1 maracujá para enfeitar o prato

Coloque o leite condensado, o creme de leite, a polpa/suco de maracujá no liquidificador bata por alguns minutos. Em uma taça (ou potes de sobremesas) coloque um pouco do mousse, bolachas de maisena, mousse e no final, as sementes para decorar (eu coloquei um pouco de açúcar, levei ao fogo até ele começar a ficar com brilho, esperei esfriar e coloquei em cima do mousse). Geladeira por algumas horas e pronto para servir (e depois dormir).

Se você gostou dessa Receita Mousse de Maracujá, compartilhe nas suas mídias sociais e aos seus amigos.
Não esqueça, de seguir o blog Manga com Pimenta nas Mídias Sociais.
Quem fez essa receita, marca no instagram com a hashtag #blogmangacompimenta e me marcar @blogmangacompimenta, que vou adorar saber do resultado :)

Não esqueça de participar da Comunidade do Manga com Pimenta do Google Plus. Clique aqui para participar! Vamos trocar receitas, dicas, postagens e prosear um pouco.

Também siga o meu perfil no Google Plus: +NanaRicchetti e confira as ultimas novidades por lá.

9 comentários para “Mousse de Maracujá”

  1. Nana, eu também fico indignada com pessoas que se preocupam com a vida dos outros em vez de se ocuparem com a sua, seriam bem melhores se fizessem isso!
    Mousse de maracujá é tudo de bom! adoro!
    beijo
    Ju

  2. Nana, concordo contigo mas para falar a verdade o mundo esta cheio de pessoas que se importam com a vida alheia, parecem não ter vida própria, me deparo com isso todos os dias… O pior é a especulação que fazem de com temos o que termos e como conseguimos manter… é terrível isso!
    Mas deixando para lá me arriscarei fazer este mousse, bom final de semana… fica com Deus!:*

  3. Eu concordo totalmente com vc, acho q cada um devia cuidar do seu jardim, e digo mais de puder agoar alguma plantinha do jardim do outro que o faça , ao invés de destruir alguma flor.
    Bj
    Eulalia

  4. Naná,

    Pessoas pequenas se preocupam com a vida dos outros, com as conquistas e tudo mais, pessoas maiores, se preocupam apenas em viver as próprias vidas, pois sabem que já dificil cuidar da sua ´vida, não perdendo tempo com o s pequenos “entraves”.
    A maldade sempre existirá, mas para nos mostrar que o bem tbm existe.

    Bjão

  5. O caso é que as pessoas perderam o temor a do seu Criador… Deus. Por isso cada um tá preocupado somente com o seu umbigo. Mas graças a Deus que ainda existem pessoas que pensam em virar esta página. Ah! valeu pela receita, amo mousse de maracujá.
    beijos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *