Papo de Menina

Mudança Interestadual… vale a pena?

Uma das nossas maiores dores de cabeça foi a questão a mudança: se era valido comprar tudo novo ou contratar uma empresa!

De São Paulo para Porto Alegre, podemos dizer que a mudança valeu a pena usando o sistema de mudança compartilhada, que funciona assim: sua mudança vai junto com outras mudanças (de outras pessoas) e cada um paga sua parte por esse transporte.

Nós tínhamos pouca coisa para trazer, como maquina de costura, aspirador de pó, mesas, cadeiras, cama, maquina de lavar, geladeira, fogão, micro-ondas, tv, roupas, enxoval e etc; Se somássemos tudo ia sair muito caro, se fossemos comprar novos. Porém, uma mudança só nossa, sem compartilhamento, passaria a valer a pena comprar tudo por aqui… acredito que esse seja um dos motivos das pessoas desistirem de se mudar para outro lugar, porque é caro, muito caro.

Conseguimos negociar preços super bacanas de mudança compartilhada de várias empresas de transporte, porém, algumas não passaram confiança e tínhamos um grande problema: precisamos da nossas coisas o mais rápido possível.

Quando você contrata esse tipo de mudança, eles ficam com suas coisas durante 15 a 20 dias (sentiram o drama?) e a empresa que fechamos, acabou quebrando um bom galho de retirar as nossas coisas dois dias antes da mudança ir para a estrada (que foi no sábado) e que estaria sendo entregue na quinta-feira.

Em São Paulo foi tudo lindo e maravilhoso, eles cumpriram oque prometeram, o pessoal foi super profissional e ficamos felizes  de estarmos meio caminho andado da nossa grande mudança de vida.

Aqui em Porto Alegre, a história mudou e mudou muito.

A filial de São Paulo nos envia por e-mail informando que a mudança chegaria na quarta-feira e pedem para entrar em contato com a filial de Porto Alegre.

Quando eu liguei, fui informada que a mudança já estava no guarda-volumes deles e que não tinham previsão quando poderiam entregar. Informei que foi acordado em São Paulo que a nossa mudança estaria sendo entregue naquela semana e que precisava de uma data, já que estávamos hospedados na casa de amigos.

Assim, foi dois dias, a Dona Nana aqui sendo boazinha e pedindo um retorno… que nunca aconteceu, quem ligava era apenas eu para ter notícia de alguma coisa.

Chegou sexta-feira e eu ligo: “Oi fulana, amanhã vocês vão entregar minha mudança?” a fulana “Ah segunda-feira vai ter camin… oh não, não tem caminhão semana que vem, vocês terão que aguardar”.

Eu sei que comecei a chorar e a falar “preciso das minhas coisas, preciso trabalhar e vocês estão f******** a minha vida…”.  Logo o Cliente Vip ligou em seguida para eles e fala que eles tem até amanhã (sábado) para entregar ou senão, a coisa ia ficar feia! ( claro, um pouco menos “carinhoso” que o escrito aqui )

Resumo da ópera, a mudança foi entregue no sábado, porém, não montaram uma mesa que precisava montar. Como estávamos cansado dessa história toda, montamos nós mesmo e ficamos felizes.

Graças a Deus, nada foi quebrado e acho que tudo foi entregue, conforme conferimos, (sinto falta de um prato de bolo que até agora não achei e nem vou achar… também não lembro se dei para minha mãe ou se ficou em São Paulo).

Então a dica que eu dou: se vocês estão pensando em fazer uma mudança interestadual, contrate essas mudanças compartilhadas (o valor vale a pena), façam em um período de férias, que tenham um lugar para ficar por um bom tempo e se bobear, pense em fechar a mudança quando estiver fechando o contrato do aluguel ou a entrega do seu imóvel, já que demora, como demora para as suas coisas chegarem a sua nova casa.

Se você gostou dessa postagem Mudança Interestadual… vale a pena?, compartilhe nas suas mídias sociais e aos seus amigos.
Não esqueça, de seguir o blog Manga com Pimenta nas Mídias Sociais. :)

Não esqueça de participar da Comunidade do Manga com Pimenta do Google Plus. Clique aqui para participar! Vamos trocar receitas, dicas, postagens e prosear um pouco.

Também siga o meu perfil no Google Plus: +NanaRicchetti e no instagram @blogmangacompimenta confira as ultimas novidades por lá.

13 Comentários

  • Paty Gidi

    Oie!

    É complicado…eu só indico se a pessoa for muito apegada as coisas…porque sinceramente preferia ter pago excesso de bagagem no avião por conta de objetos pessoais (fotos, e pequenas coisas) do que ter pago mudança…..a minha mudança só chegou 2 meses depois, também foi compartilhada, alguns eletros quebraram depois de 1 semana, minhas roupas de cama chegaram tudo mofadas…foi um terror! Mudei do RJ pro AM, e sinceramente não indico….

    bjus

    • Nana

      Paty,

      mudança muito longa acho que não é valido nenhum dos dois metodos, mais fácil comprar tudo novo pelo valor. Levar o que pode no avião :)

      Bjs

  • ana

    Nana, eu mudei 3 vezes do rj pra sp e duas de sp pro rj, a primeira trouxe pouca coisa mais presente de casamento, em um caminhao que a minha irma conseguiu q ia pro aeroporto de campinas e eu justamente ia morar em campinas, a segunda foi de campinas para rj e foi tranquila, na acompanhei a mudança pois estava de cama na casa da minha mae por causa da gravidez. Ai o ex conseguiu um emprego melhor em sp e la fomos nós para campinas, meu filho mais velho com 5 meses, foi uma bosta, pessima empresa escolhida, entao o ex do nada resolveu voltar pro rj, e la fomos nos novamente, ai foi tranquila a mudança e depois de 1 ano e meio por causa da violencia do rj resolvemos vir pro interior de sp, onde estou até hj, mas só de escrever isso me cansou, imagina mudar?

  • Leticia

    Oi Nana! Tudo bem?

    Estou pesquisando para ver se rola essa mesma mudança que você, SP para Porto Alegre. Aproveitei para pegar umas receitinhas suas tambem, rs.
    Você tem como me passar o nome da empresa que você contratou para o transporte?

    Bj! Mto legal o blog. :)

    • Nana

      Oi Leticia, desculpa a demora, acho que era irmãos Fraga… algo assim :) Ah quando estiver por aqui, me fala, vou adorar uma paulista virando gaucha :)

  • EDIMAR DE PAULA

    Não fui bem sucedido em uma mudança compartilhada ou por aproveitamento. Contratei uma empresa de nome nacional, a Graneiro, no transporte de uma pequena mudança de Campinas – SP para Palmas – TO. Apesar da distância Palmas fica ao lado da BR 153, conhecida por Belém – Brasília, com um enorme fluxo de transportadoras, é uma das principais ligações do sul do país com o norte. A priori a demora seria entre 15 a 20 dias. A mudança foi retirada em 22 de dezembro e hoje é 03 de fevereiro e não há sequer previsão de entrega. Paguei antecipadamente ainda em dezembro por todo o transporte e nenhuma resposta convincente veio até agora.

    Estou em um apartamento com duas crianças de 08 e 10 anos sem qualquer móvel, tive que adquirir algumas coisas para o mínimo de sobrevivência.

    No momento de contratar e receber a Graneiro não indicou qualquer dificuldade, agora dificilmente atendem ligações, tenho um filho autista e todo o material de suas terapias estão ma mudança, sem contar inúmeros objetos pessoais.

    Cuidado com quem vai contratar este tipo de transporte.

  • Marcelo Macedo

    Olá nana seu post está ótimo, muito bem explicado, o sistema de mudanças compartilhada é realmente uma ótima maneira de se economizar em mudanças interestaduais.

    Vale muito a pena, o problema é exatamente este, encontrar empresas serias que passam credibilidade, que bom que no final deu tudo certo na sua mudança.

    Parabéns pelo blog também está muito bem organizado.

    Grato.

    Marcelo Macedo

  • Joelma

    Olá Pessoal, mudarei do RJ para SC e preciso de indicações de transportadoras que fazem compartilhamento de mudança. Alguém pode me indicar alguma? Estou procurando no google mas está bem difícil escolher sem indicação. :(

    Obrigada!

    • Nana

      Oi Joelma,

      usei a Fraga e Filhos, caso tenha interesse. Só tive problemas para entrega da mudança aqui em casa, a retirada foi nota mil.

      Abraços.

  • Emanoele

    Oi Nana! Vou me mudar de SP para Porto Alegre na primeira semana de dezembro, e pelas cotações, parece que terei que contratar uma mudança exclusiva, porque a compartilhada não vai caber. Comecei as cotações essa semana.. Me desejem sorte! Adorei suas dicas, e te vejo em POA em breve!!

  • Verônica

    Oi estou de mudança para o interior do Rio Grande, Bagé, e estou muito preocupada com essa questão de transporte, ainda mais por ser interior. Preciso de conselhos…

    • Nana - Manga com Pimenta

      Oi Verônica, o que eu puder te ajudar :D

      Não sou especialista, só contei o que passamos com a nossa mudança para ajudar alguém que esteja no mesmo caso que a gente.

      Mas pode perguntar, viu?!

      Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.