Arquivo da tag: Gravidez

Fotografia com o Registro mês a mês do bebê {Baby Idéia}

Registro mês a mês do bebê {Baby Idéia}

Que tal fazer um registro mês a mês do bebê?

Confesso, não fiz registro mensal do crescimento da minha barriga, já que só começou a aparecer agora no final da gravidez.

Chegamos até a fotografar, para mostrar ao nosso filho quando estiver maior, mesmo assim, não parece muito que estou grávida.

E por esse motivo, faremos um registro do primeiro ano do bebê, começando com uma foto da barriga no último mês (antes de nascer) até o seu primeiro aniversário.

 

Vamos nos inspirar?

 

 

Fotografia com o Registro mês a mês do bebê {Baby Idéia}

Fotografia com o Registro mês a mês do bebê {Baby Idéia}

{Imagem do site At Home With Ashley}

 

 

O meu desejo é fazer algo caseiro e sem muita firulinhas!

Porém, o Papai Vip é fotógrafo e acredito que não ficará muito simples esse ensaio, vai ter glamour sim :D

A idéia é do site  At Home With Ashley, clique aqui para ver.

 

 

 

Fotografia com o Registro mês a mês do bebê {Baby Idéia}

{Imagem do site Life With my Littles}

 

 

Esse é que eu mais amei e está na lista “eu vou fazer e nem quero saber Papai Vip!!”

Simples e lindo, assim, o Otto vai ter um registro de cada momento até o seu primeiro ano :D

Idéia é do site Life With my Littles, clique aqui para ver.

 

 

 

Fotografia com o Registro mês a mês do bebê {Baby Idéia}

{Imagem do site Foto Dicas Brasil}

 

Esse é muito fofo, mas achei muito elaborado, se for fazer algo desse tipo, já teríamos que começar a planejar agora!

Afinal é necessário comprar as roupinhas e preparar as plaquinhas.

Mas que é lindo, é!!

Idéia do site Foto Dicas Brasil, clique aqui para ver.

 

E aí, gostaram?

Quem tiver alguma idéia, deixe no comentário, vou amar ;)

 

 

Gostou dessa postagem de Fotografia com o Registro mês a mês do bebê {Baby Idéia} Compartilhe nas suas mídias sociais.
Não esqueça de seguir o Manga com Pimenta nas Redes Sociais.

Não esqueça de participar da Comunidade do Manga com Pimenta do Google+.  Clique aqui ! Vamos trocar receitas, dicas, postagens e até prosear um pouco.

Também siga o meu perfil no Pinterest e no instagram @blogmangacompimenta .

Ah, inscreva-se no Youtube – clique aqui, toda segunda-feira tem episódio novo :)

Fraldas de Pano: Modernas e Ecológicas... eu escolhi usar!

Fraldas de Pano: Modernas e Ecológicas… Eu Escolhi Usar!

Pronto, já vejo aquela cara “ai credo, fraldas de pano!! Que coisa mais antiquada, é como estivéssemos voltando ao passado…”

Ai eu te falo: as fraldas de pano ficaram modernas minha amiga!!

 

Fraldas de Pano: Modernas e Ecológicas… eu escolhi usar!

Fraldas de Pano: Modernas e Ecológicas... eu escolhi usar!

{Imagem daqui – Fralda Tamanho único, do nascimento até o desfralde}

 

O meu bebê ainda não nasceu, então, teremos várias postagens para falar sobre esse assunto:

  • a chegada das fraldinhas e a preparação para o uso;
  • o uso no bebê;
  • considerações finais.

Se vocês acharem legal, posso até me aprofundar mais sobre esse tema. Deixe um comentário, combinado?

Nessa primeira postagem, contarei o que nos levou a trocar as fraldas descartáveis por de pano!

Mas primeiro, vamos ver como funciona?

 

Fraldas de Pano: Modernas e Ecológicas... eu escolhi usar!

{Imagem daqui – Modelo de Fralda que escolhemos}

 

A nova fralda é composta por uma capa e um ou dois absorventes.

Normalmente existem vários modelos e o escolhido por nós é a pocket, que é um bolso que permite colocar um dos absorvente dentro deste bolso e outro no lado de fora, assim, evitando vazamentos.

 

Fraldas de Pano: Modernas e Ecológicas... eu escolhi usar!

{Imagem daqui – Exemplo do absorvente usado na fralda}

 

Os absorventes são de tecido, menores que as fraldas de pano tradicionais, que pode ser de Microfibra, Fleece, Bambu e Carvão.

Caso o bebê faça só xixi, você só precisa trocar o absorvente.

Agora se o bebê fez o número dois, esqueça, o kit todo deve ser trocado.

O modelo desejado por nós é de tamanho único, ajustável conforme o bebê vai se desenvolvendo através de botões, até o seu desfralde.

Outra notícia boa que essas fraldas causam bem menos alergias e assaduras, já são mais fresquinhas e confortáveis!

 

 

Meio Ambiente

 

Não vou me estender sobre esse assunto, mas é importante falar um pouco sobre ele, afinal é uma caraterística do produto!

Não sei se vocês sabem, mas uma fralda descartável leva mais de 400 anos para se decompor na natureza.

Uma criança usa em média 5 mil fraldas descartáveis até o desfralde, então imaginem o problema!!

Só no Brasil, são depositadas mais de 17 milhões de fraldas descartáveis por dia no meio ambiente; E grande parte delas de forma errada, praias, mar, vegetação, entre outros, prejudicando até a fauna.

“Mas você vai gastar muita água para lavá-las…”

Em muitas cidades no Brasil já existe a prática de tratamento da água e o reuso da mesma, voltando assim limpa para a natureza e a sociedade. Já as fraldas descartáveis não, sendo que na sua fabricação é utilizado recursos como árvores, petróleo, água e produtos químicos.

Não vou mentir, este não é o principal motivo que levou a nossa escolha por este produto, mas nos importamos também com isso.

 

 

Sobre os gastos… economia ou não?

 

A principal razão é a economia no nosso bolso, possibilitando fazer até uma poupança para o nosso bebê.

Vocês sabiam que em um ano o bebê usa mais de 3000 fraldas descartável?

Uma conta rápida: se cada fralda custar 1 real (geralmente custa 80 centavos nas promoções), o total é de 3 mil reais por ano.

“Ah, mas a economia não é tanto assim, você vai gastar com água e energia lavando as fraldas de pano…”

Não, por incrível que pareça, o custo será de 1.600 reais com as fraldas, mais 1.500 reais (água, energia e sabão) lavando-as durante 3 anos, até o desfralde.

Por esses motivos, decidimos usar esse tipo de fraldas, economia, são charmosas, não agride a natureza e nem o bumbum do nosso filho.

 

Lavando as Fraldas de Pano Modernas

 

Esqueça aquela cena clássica,  varal cheio e fraldas por todos os lados, temidas pelas mamães de antigamente, não existe mais. Essas são modernas, se lembra?

Você ainda terá fraldas no varal, claro, em menor quantidade.

Para lavá-las, o primeiro passo é jogar os resíduos no vaso sanitário.

Então, remova o absorvente do bolso da capa e coloque em um balde, não é necessário deixar de molho.

Ao final do dia, lave-as na maquina de lavar.

Não é necessário colocar muito sabão, no máximo 1 colher de sopa rasa e a água deve ser fria.

Agora, o trabalho todo fica com a sua melhor amiga, que vai mexer para lá e para cá, lavando as fraldinhas do bebê.

Detalhe importante: não esfregue as fraldas e nem use sabão em barra, amaciante ou alvejantes.

Para secar basta pendurar em um varal que seca rapidinho.

A fraldinha ficou manchada?

Deixe no sol por cerca de meia hora após a lavagem, para retirar as manchas, Isso não é regra para todas, confira com o fabricante da fralda que você escolheu.

Depois de secas, retire-as e e guarde. Não devem ser passadas a ferro,  para não danificar o tecido.

 

 

Quantidade recomendada de fraldas e valores

 

Em um enxoval básico é recomendado 20 fraldas, sendo 16 diurnas e 4 noturnas.

Nós decidimos usar 24 a 26 fraldas, sendo 20 diurnas e o restante noturnas. Assim, ficamos mais tranquilos.

Por isso, convido vocês a participarem do nosso chá de fralda virtual, clique aqui!!

 

 

Escola, passeios e as Fraldas de Pano

 

Muita gente ainda não conhece esse tipo de fraldas e isso, pode causar uma certa resistência, mas fique tranquila você pode usá-las em qualquer lugar, sem medo de ser feliz!

Em algumas escolas e creches, ainda é comum recusarem ou “torcerem o nariz” quando ao uso dessas fraldas.

Porém, é um direito seu de escolher as fraldas que o seu filho vai usar e caso seja necessário, peça um atestado ao seu médico indicando o uso e claro, explique como funcionam.

Quem sabe, você não convence uma mamãe a usar esse tipo de fralda :D

Mas e quanto a higiene?

É super fácil, leve um saquinho impermeável com zíper para guardar as fraldas usadas e quando chegar em casa, coloque-as para lavar seguindo o primeiro passo que falei lá em cima sobre a lavagem.

Uma dica importante: sempre tenha pelo menos uma ou duas fraldas extras na bolsa, junto com o saco impermeável, dependendo do tempo que ficará fora da casa, igual a fralda descartável.

Se você gostou dessa postagem Fraldas de Pano: Modernas e Ecológicas… eu escolhi usar!, compartilhe nas suas mídias sociais e aos seus amigos.
Não esqueça, de seguir o blog Manga com Pimenta nas Mídias Sociais. :)

Não esqueça de participar da Comunidade do Manga com Pimenta do Google Plus. Clique aqui para participar! Vamos trocar receitas, dicas, postagens e prosear um pouco.

Também siga o meu perfil no Google Plus: +NanaRicchetti e no instagram @blogmangacompimenta confira as ultimas novidades por lá.

Como escolher o nome do bebê? A história do nome Otto.

Como escolher o nome do bebê? A história do nome Otto.

Hoje vou contar como escolhemos o nome do bebê, o nosso Otto.

Pega a pipoca e senta que lá vem história:

 

Como escolher o nome do bebê? A história de como escolhemos o nome Otto

Como escolher o nome do bebê? A história do nome Otto.

 

Na primeira vez que passei a noite na casa do Cliente Vip, lembro-me perfeitamente de acordar do nada e ver um menininho na porta sorrindo para mim. Parecia ter uns 5 anos e aparentava o Cliente Vip quando criança (depois vi as fotos).

Sorri de volta e falei para ir dormir. Logo essa aparição sumiu e nunca mais vi.

Eu sei, alguns falaram que é sexto sentido, outros dirão que eu realmente vi meu filho antes de nascer e para alguns, é uma grande besteira.

Porque estou contando isso?

Por que esse é o motivo de eu sempre acreditar que meu filho seria um menino.

 

Como o nome foi escolhido

Estava eu, linda e não-loira escutando uma música e falei para o Cliente Vip “acho tão lindo o nome desse cantor, Otto!!”.

Ele falou que também gostava e então, começamos a pesquisar sobre o seu significado e as pessoas que tiveram esse mesmo nome.

A origem do nome Otto é germânica e significa nobre, afortunado, abastado.

Bem, nem preciso dizer que conquistou o coração do marido, que é de descendência austríaca. Nesta hora o coração bateu forte.

Descobrimos também que na história do mundo, houveram diversas pessoas importantes com esse nome, suas personalidades e concluímos “sim, esse será o nome do nosso filho”;

E foi assim que surgiu o nome Otto em nossa vida, tínhamos 26 anos e sempre quando falávamos sobre filhos, já pensávamos em um menino e chamávamos de Otto a todo momento.

Como demorei para engravidar – mais de 10 anos se passaram e essa certeza que seria menino já não era tão forte como antigamente, decidimos escolher o nome do bebê caso fosse menina.

Porém, nossos velhos e bons amigos que já sabem a história do nome, apenas esperavam a confirmação do sexo para chamar o bebê pelo seu nome quando engravidei, a torcida era bem grande.

 

E se fosse menina?

A única certeza que tínhamos era que seria um nome italiano.

Ficamos entre esses nomes: Giulia, Pietra e Chiara.

As preferências do Cliente Vip era os dois primeiros nomes, a princípio seria Giulia.

Mas algo dentro de mim, dizia que não seria esse o nome… nada contra, pois nunca tive uma amiga com nome Júlia e as poucas pessoas que conhecia, a personalidade não me agradava.

Quando ao significado, também não me ajudava: fofa, macia, jovem ou filha de Júpiter.

Começamos a analisar e então acabamos descartando o nome Giulia.

 

Bem, Pietra também não tem um significado muito ohhhh: pedra, rochedo ou firmeza (mano).

 

Mas seria uma homenagem para o pai e os avôs paternos.

Por mim, ok, acho bacana… mas me via chamando minha filha de Pietra? Não, sei lá… nem o Cliente Vip, mas por ser um pedacinho dele, achava que era válido a homenagem. Apesar dele achar que seria egoísmo só o nome dele como homenagem.

Ainda não era o nome que gostaríamos para nossa filha, não foi amor a primeira vista. Nada ornava ou agradava os dois.

 

E o nome Chiara?

 

O significado é: clara, luminosa, brilhante, ilustre.

Sou super fã desse nome, em português significa Clara e apesar de não ser uma beata, eu sempre tive um carinho especial pela história da Santa Clara.

Porém, estamos no Brasil e a pronuncia seria um problema, já que o correto seria falar “Quiara”.

Ficamos receosos da criança ter que ficar corrigindo toda hora a forma correta de escrever e falar o seu nome.

Uma amiga sugeriu “Kiara”, mas não, não é a forma correta em italiano e não nos agradou.

Decidimos então pesquisar sobre pessoas que levam esse nome e a maioria era ligada as coisas que nós dois amamos: música, gastronomia e cinema.

Vantagem que o nome Pietra não tinha e esse foi o ponto decisivo na escolha de Chiara para o nome da nossa filha, caso fosse menina.

Decidimos também que seria registrado na grafia correta, em italiano e combinamos de corrigir quando alguém falasse ou escrevesse errado.

A única certeza que temos na vida, sendo menina ou menino, eles teriam de soletrar os dois sobrenomes estrangeiros… o que seria corrigir um nome, considerando os nossos sobrenomes, não acham?

 

 

A revelação do sexo!!

Como escolher o nome do bebê? A história do nome Otto.

 

Ok, agora era esperar a ultrasom para saber o sexo.

Mesmo assim, toda hora chamávamos o bebê de Otto e logo corrigíamos “ou Chiara”.

No dia do exame, estávamos ansiosos.

Comentamos com a enfermeira que íamos gravar e ela falou que não podia (não sei porque o SUS não deixa… vai saber) e avisamos que ainda não sabíamos qual era o sexo.

A médica entrou, começou o exame e alguns minutos depois soltou “olha o seu meninão”.

Nessa hora eu e o Cliente Vip nos olhamos e logo a enfermeira falou “ah eles não sabiam o sexo”.

A médica continuou “então, é um menino! Vamos ver o piu-piu, e não é que o safadinho esta fazendo xixi? Mostrando bem os seus documentos para termos certeza?!”

Nessa hora eu chorei, baixinho, sem fazer escândalo, enquanto o Papai Vip acompanhava o restante do exame se segurando para não pular de alegria ou gritar de felicidade pelo hospital.

Saímos de lá ainda bobos!

O Cliente Vip só falava “é um menino! É o nosso Otto, vou ser pai de um menino!”.

E logo lembrei daquela experiência no começo da postagem, do menino sorrindo para mim na porta :)

Não sei se foi visita ou se eu já sabia, mas sou mãe de um menino #feliz, do nosso amado Otto.

É isso, deixo essa dica para vocês que ainda não escolheram o nome do seu bebê:

Sempre olhe o significado, depois pesquise a personalidade e se você acreditar, veja o mapa astral ou numerológia.

Olhe também, se combina com os sobrenomes ou não terá muito problema com pronúncia.

O mais importante: os pais tem que gostar do nome!!

 

Se você gostou dessa postagem Como escolher o nome do bebê?, compartilhe nas suas mídias sociais e aos seus amigos.
Não esqueça, de seguir o blog Manga com Pimenta nas Mídias Sociais. :)

Não esqueça de participar da Comunidade do Manga com Pimenta do Google Plus. Clique aqui para participar! Vamos trocar receitas, dicas, postagens e prosear um pouco.

Também siga o meu perfil no Google Plus: +NanaRicchetti e no instagram @blogmangacompimenta confira as ultimas novidades por lá.

Diário de Gravidez - Descoberta

Diário de Gravidez: A Descoberta!

Hoje vou falar sobre a Descoberta da minha gravidez!!

Antes de tudo quero falar que a gravidez é diferente para cada pessoa, algumas sentem tais sintomas e outras não. Por sorte, estou tendo uma gravidez bem tranquila.

Então pega a pipoca e senta que lá vem história :D

 

Diário de Gravidez: A Descoberta!

 

As tentativas começaram no ano passado, mais ou menos no mês de maio e no mês de agosto descobrimos que eu estava grávida.

Só que depois de duas semanas, acabei tendo um aborto espontâneo. Como isso aconteceu no começo da gravidez, minha médica recomendou que continuássemos as tentativas e nada de engravidar…

Sabendo da possibilidade da dificuldade em engravidar, já tinha me inscrito para tratamento de fertilidade do SUS com 36 anos de idade. Porém, eles demoram para chamar, normalmente é 3 anos na fila de espera.

Neste período, decidimos nos dedicar ao Manga com Pimenta e ao Youtube, esquecer essa história de ter filhos…

Logo depois de gravar os primeiros episódios, nada da menstruação aparecer e eu acreditando que estava de TPM.

Passou um dia, dois e no terceiro dia falei pro Cliente Vip “vamos comprar um teste?”.

Compramos, eu até queria fazer na mesma hora, mas já era noite e a recomendação era fazer com o primeiro xixi da manhã.

Neste momento, os únicos sintomas eram: os seios super doloridos e uma vontade louca de fazer xixi.

A ansiedade me fez acordar as 4 da manhã, corri para o banheiro, olhei o teste, ele olhou de volta e sorriu… brincadeira, mas retirei da a fita da caixa e colhi a amostra de urina.

Chegou o momento da verdade!!!

 

Coloquei o teste e nos primeiros segundos, só vi a primeira linha aparecer.

 

Deixei o teste no banheiro e fui chorar na sala decepcionada “porqueeee porqueeee”…

Com esperança, voltei ao banheiro depois de dois minutos e vi a segunda linha bem fraquinha.

Esperei completar os 5 minutos indicados e a linha continuava lá, bem fraca.

 

Diário da Gravidez: A Descoberta!

 

Tirei uma foto e mandei para 3 amigas e perguntei “estou louca ou vocês também estão vendo a segunda linha?”.

Uma das minhas amigas falou para não confiar e as outras duas me deram parabéns.

Até tentei voltar a dormir, mas quem falou que eu conseguia?

Deu 7 horas da manhã e fui ao posto de saúde falar com a minha médica, que por acaso encontrei com ela no caminho.

Entramos no seu consultório e ela me passou a guia para fazer o exame de sangue. Neste dia o hospital estava em greve e levou umas 3 horas para fazer o exame, mas dali eu não saia.

No outro dia bem cedinho fui ao hospital buscar o exame, com o coração na mão e falando: “não se empolga, você já passou por isso e na hora que pegava o resultado era negativo”.

 

Peguei o resultado e vi: positivo com o valor de 204 de HCG!!!

 

Comecei a chorar de soluçar e rir ao mesmo tempo, não saia do lugar e todos que estavam ali começaram a se preocupar e alguns chegaram até a pedir um médico.

A enfermeira falava “não precisa, ela só está grávida”.

Demorei um bom tempo para recuperar as forças e voltar para casa. Coloquei o óculos escuros e fui, chorando no meio da rua, de muita felicidade.

Cheguei em casa e falei para o Cliente Vip “você vai ser pai!”, entregando o resultado para ele.

Momento muito feliz, abraços e beijos neste momento, os dois bobos sem acreditar que conseguimos.

Não sou uma pessoa que faz surpresas e estava tão a flor na pele, que só queria colo, nessa mistura de felicidade e medo, queria só o amor do Cliente Vip.

Em seguida, liguei pra médica e ela já agendou o pré natal.

Mas isso fica para o próximo episódio / postagem do Manga com Pimenta e Papinha.

Dados importante: descobrimos a gravidez no dia 5 de agosto (corrigindo, no vídeo falei dia dez… falha minha!!!), estava com 5 semanas e tinha acabado de completar um mês de gestação.

No próximo episódio vou falar sobre o primeiro trimestre, pré-natal e o que aconteceu.

Beijos e até lá.

Ps.: Fui chamada para fazer tratamento de fertilidade pelo SUS aqui de Porto Alegre quando eu estava com 5 meses de gravidez. Agradeci e pedi para me tirar do sistema e dar oportunidade para outra pessoa,  já que estava grávida :D

 

Se você gostou dessa Postagem de Diário da Gravidez: A Descoberta!, compartilhe nas suas mídias sociais.
Não esqueça, de seguir o Manga com Pimenta nas Redes Sociais.
Se você fez essa receita, marque no instagram com a hashtag #blogmangacompimenta e também marque @blogmangacompimenta, vamos adorar saber o resultado :)

Não esqueça de participar da Comunidade do Manga com Pimenta do Google+.  Clique aqui ! Vamos trocar receitas, dicas, postagens e até prosear um pouco.

Também siga o meu perfil no Google: +NanaRicchetti e no Pinterest. Inscreva-se no Youtube – clique aqui, toda segunda-feira tem vídeo novo :)